segunda-feira, 12 de maio de 2008

“Sou a índia mais velha do pedaço!”


Quem disse que a pele não ganha os tons da terra em que nasceu.
Quando a fixei, respondeu-me sem lhe perguntar:
“Sou a índia mais velha do pedaço!”
Os seus cabelos grisalhos não a deixavam mentir, a sabedoria presa na força dos seus olhos negros como o bréu confirmavam a afirmação que só a força dos seus braços e a gravidade da sua voz podiam colocar em dúvida.
Era uma “pele-vermelha” sem o saber, embora a sua pele o deixasse adivinhar…e entre a farinha que pilava para que todos comessem, contou histórias de quando a terra era só deles e comungavam os mesmos espíritos que a natureza lhes ofereceu.
E hoje, com um mundo que já não reconhecia queria desistir, mas a força do seu olhar não a deixava descansar!

138 comentários:

Rui disse...

Não se lhe vê idade no olhar. Nem no rosto. Apenas uma vida vivida.

daniel disse...

Olá Carlas

Ser a Índia mais velha velha do pedaço é um posto.
E o posto, para que serve perante, predadores?

Daniel

wind disse...

Espectacular e frontal olhar, que força que transmite!
Beijos

Amaral disse...

Carla
"Contou histórias de quando a terra era só deles..." e quão agradáveis devem ser essas histórisa.
Boa semana
Bjo

G.D.M. (Wolf) disse...

existem rostos que são como um mapa..um mapa de um mundo..um mapa de uma vida..e como todos os mapas precisamos de os saber ler...

Eu leio que neste rosto da India..se encontra toda a historia de um povo..

Beijinhos

Parabens ta giro o teu blog

poetaeusou . . . disse...

*
pedaços,
feitos resevas,
,
eis o que resta,
,
conchinhas,
saudando manitu,
,
*

pinguim disse...

O eterno encanto de uma vida totalmente vivida!

Filoxera disse...

Olá, Carla.
Vim conhecer este espaço e gostei. Muito.
Conheceste mesmo esta senhora? Acho que, se alguma vez estivesse na presença de alguém como ela, era capaz de ficar a ouvir as suas histórias, ficar, ficar...
Beijos.

Carla disse...

rui
foi mesmo isso que senti...a par de uma vivacidade extrema na voz
beijos

Carla disse...

daniel
pois daniel, mas nos tempos de que ela falava, os predadores quase não existiam, hoje "poluem" os seus dias e baralham a sua forma de viver...
beijos

Carla disse...

wind
...a força de uma vida vivida milímetro a milímetro
...e a riqueza que ela conseguia transmitir com a simplicidade de quem nada mais espera da vida, do que apenas viver
beijos

Carla disse...

amaral
...histórias que não esquecem, histórias de um povo que em meia dúzia de décadas viu a sua tradicional forma de viver alterar-se radicalmente...com todas as dores que isso provoca
beijos

Carla disse...

wolf
...a história de um povo...as mudanças quase sempre indesajadas nunma forma de viver
obrigada
beijos

Carla disse...

poetaeusou
em reservas que criam reservas à liberdade que sempre os caracterizou
beijos

Carla disse...

pinguim
um encanto muito próprio
beijos

Carla disse...

filoxera
conheci sim...foi um momento cheio de magia.
Numa primeira fase as palavras recusavam-se a sair, olhos desconfiados de quemnão acredita nas nossas boas intenções, depois permitiu que lhe tirasse fotografias, sempre a medo...a seguir surgiram as histórias enquanto moía a farinha de mandioca que era para toda a comunidade...ainda hoje me lembro da sonoridade da sua voz e de histórias que lhe consegui "arrancar"...
...momentos únicos
...obrigada pela tua visita
volta sempre
beijos

Belzebu disse...

Em cada pedaço de pele, está um pouco de sabedoria, da determinação que só a terra e o tempo nos pode dar!

Aquele abraço infernal!

Carla disse...

belzebu
está cheio de razão
boa semana
beijos

disse...

Expressão pura ...lindo..
Carla tenho dois mimos para vc ..como sempre colha-os se quiser e sem nenhuma obrigação de repasse...grande beijo.

meg disse...

Carla,
Sendo a índia mais velha isso quer dizer que será a pessoa mais respeitada, não será abandonada pelos seus... ganhará dignidade.
Pena os ditos civilizados não o fazerem também.
Um abraço

Gato Aurélio disse...

Sou negra hindu pele vermelha
árabe, persa asiática
morena, branca, amarela,
sou incolor, aquática...
Sou rude como montanha
sou macia como arminho
tomo qualquer forma estranha
de cada irmão que adivinho
Sou feita de ar e de sol
de luz, de sangue de vento,
tenho a voz dum rouxinol
a soltar-me o pensamento.
Sou mistura conseguida
do humano universal
fecundo fruto da vida
porque a vida é natural.

Marília Gonçalves

;O)

***Fotografia e Luz*** disse...

Eu diria que passaria voluntariamente algunas horas na sua presença a escutar as suas histórias de vida

xocoatl disse...

Todos os aspectos da nossa vida acabam por nos marcar, sejam locais onde vivemos, pessoas que conhecemos ou histórias que partilhámos… Cada ruga no nosso rosto tem uma história.

Gerlane disse...

Imagino a riqueza de suas histórias contadas e vividas.
Pena que, para a humanidade, sempre foram considerados seres inferiores.

Beijos!

Just me disse...

A sabedoria reside em quem a sabe manter =)

Rocket disse...

O orgulho de exibir o orgulho de ser quem se é: poucas coisas mais revelam uma longa vida vivida em pleno...


beijos

fotógrafa disse...

Bela foto...aqui está escrito o livro da vida desta senhora...
boa escolha e bom texto...obrigada pela visita ao meu cantinho
abraço

jasmimdomeuquintal disse...

mas que olhar...

João Videira Santos disse...

O importante é a vida que se tem nos anos e não o contrário. É uma bela foto. Em cada ruga um traço da vida vivida.

Multiolhares disse...

É uma pena que na nossa dita civilizada civilização os idosos não sejam consideradas pessoas de valor e sejam relegados para segundo plano, e o que há de pureza nas tribos estejamos a confina-los e a acabar com essa mestria que possuem

beijinhos

lgbolhares disse...

Eu diria que a pele ganha os tons do que se vive... E aquela pele, aqueles olhos dizem tanto...
Magnífica foto!

Beijinho

herético disse...

belo texto! a verdadeira ecologia passa por aqui!

gostei muito.

beijo

R.G. disse...

Também eu dia quero ser velha,
ter a cara carregada de rugas...
e uma mão cheia de histórias para contar...


Beijo Perdido

gaivota disse...

a índia mais velha, que linda!
o pedaço dela e o que ainda vai restar dessa força!
beijinhos

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Carla, a nobreza de uma raça...
Excelente !
Beijos

Maria disse...

Só de olhar a foto vê-se uma força naquele rosto...
Toda ela é vida! Toda ela é força!
Obrigada, Carla.

Beijo

fadazul disse...

LINDA DESCRIÇÃO QUERIDA, ESTAMOS SEMPRE NOS VIZITANDO ACHO ISSO MUITO BOM! BJKS

xistosa disse...

Confinaram-na ao que os senhores não querem, ou não podem querer, que os espelhos ainda transmitem imagens.
Daí o olhar negro.
O pilão é a vingança sobre o "homem branco", que empurrou um povo, (neste caso, porque há mais), para tentar, ritmadamente, esquecer as agruras duma vida de agruras.

Bandys disse...

Gostei muito.
Obrigada pela visita...
Beijos

Carla disse...

meg
sabes uma coisa, infelizmente a "dita" civilização parece estar a contaminar outras culturas e a alterar valores que deviam ser preservados
beijos

Carla disse...

Gerlane
uma riqueza infinita...uma vida recheada de coisas simples, mas cheias de valor.
E de inferiores não têm nada, a não ser a vontade de alguns em esquecer os ensinamentos ancestrais.
Beijos

Carla disse...

João Videira Santos
Belas e sábias palavras
beijos

Carla disse...

Multiolhares
Quando passei por esta tribo foi esse confinar que mais me assustou. A certeza de que muitos dos seus habitantes começam a apostar fortemente em regras da "civilização", ignorando ensinamentos antigos que fazem a sua história...havia uma guerra instalada entre duas formas de vida distintas e esta mulher era a personificação do medo que essa "novidade" podia trazer à sua tribo
beijos

Carla disse...

herético
sim, acho que é também uma forma de ecologia
beijos

Carla disse...

gaivota
é linda, não é?
e que riqueza interior que eu descobri
beijos

Carla disse...

Vi
pura a expressão e de uma beelza serena, embora desiludida
passo já pelo teu espaço para colher os mimos que me ofereceste e desde já obrigada
beijos

Carla disse...

Gato Aurélio
é mesmo a natureza em conjugação plena...a força das montanhas, a leveza do ar e do sol e o saber de experiência feito
beijos

Carla disse...

Fotografia e Luz
...foi o que eu fiz...mas mesmo assim precisava de muito mais tempo do que aquele que tive
beijos

Carla disse...

xocoatl
há momentos que nos marcam indelevelmente...são momentos bem especiais
beijos

Carla disse...

Just me
em quem a sabe manter e torná-la útil ao seu dia-a-dia
beijos

Carla disse...

fotógrafa
um livro de vida cheio de ensinamentos tão válidos
e não precisas de agradecer a visita, pois são tantas as vezes que por aqui passas a deixar as tuas simpáticas palavras
beijos

Carla disse...

jasmimdomeuquintal
...há alturas em que um olhar pode dizer tanta coisa!
beijos

Carla disse...

lgbolhares
é interessante como a pele pode ser um mapa da nossa vida e como um olhar pode ser um livro aberto...
obrigada por gostar da fotografia
beijos

Carla disse...

R.G.
mais do que velha, uma anciã com as histórias traçadas em cada ruga. Legítimo esse desejo
beijos

Carla disse...

Chana
aqui quase diria a nobreza de uma pessoa...sabes que a raça começa a adulterar-se com a "importação" de valores que nada têm a ver com a sua realidade
beijos

Carla disse...

Maria
...e ela era muito mais do que a foto consegue transmitir
beijos

Carla disse...

fadazul
eu também...volta sempre que eu rpetendo fazer o mesmo
beijos

Carla disse...

Xistosa
e que negro este olhar...a experiência e a sabedoria não conseguem fazer esquecer o medo. E o pilão é uma forma de vingança tão impotente perante todos os desafios que a obrigam a suportar
beijos

Carla disse...

ROCKET
um orgulho dorido...mas mesmo assim orgulho de que foi e do que é
beijos

Carla disse...

Bandys
obrigada
beijos

Carlos disse...

gente sem rosto , sem tempo,resistentes...neles encontro as forças para caminhar nesta selva.


kiss

Carla disse...

Carlos
eles é que começam a perder a força para se reencontrarem na "selva" que nós lhes inventamos
beijos

pin gente disse...

e continuará a ser a "índia mais velha do pedaço"...

Dias disse...

Muito bom, a ilustração e os verbos, parabéns.

Beijo

Carla disse...

pin gente
acho que sim, porque aquela garra não se destrói com tanta facilidade
beijos amiga

Carla disse...

Dias
obrigada...há emoções que fazem brotar as palavras
beijos

Vieira Calado disse...

Cá para mim, até não parece muito velha. Pelo menos... está bem conservada.

Defensor disse...

Salve
Com a idade, a sabedoria
Beijos, boa semana

Anónimo disse...

oi minha linda amiga.
Sua tribo deve ser orgulhar muito dessa india de olhar doce e cheio de luz e amor em seu coração.
Estás de parabéns pelas fotos e por essa linda história da sua
gente.
lindo e lindo, sem palavras.
estás de parabéns minha nova amiguinha.
te aguardo no blog da deusaodoya.


beijos Regina Coeli.

Carla disse...

Vieira Calado
também acho que está bem conservada...a idade não se vê apenas pelo Bilhete de Identidade
beijos

Carla disse...

defensor
...e que sabedoria
beijos

Carla disse...

Regina
obrigada pela visita...se voltares aqui deixa-me o link do teu blog, para poder passar por lá
beijos

minucha disse...

Olá Carla


Como tu escreves bem, caramba!

A fotografia espectacular
a história uma beleza.
Mas o que gostei mais foi da chamada de atenção para a sabedoria.


beijo

Carla disse...

minucha
amiga
que dizer da forma como tu escreves!
obrigada pelas palavras
beijos

São disse...

Belíssimo post, Carla!
E ainda há pessoas tontas que fazem plásticas!!!
Abraços.

Carla disse...

São
esquecem-se da riqueza que há em cada ruga que conquistamos
beijos

Capitão-Mor disse...

Acredito que tenhas respirado alguma inspiração por estes lados... :)
Muito bom!

Carla disse...

capitão
não fica assim tão longe dos teus domínios
...e foi um belo dia, bastante inspirado!
beijos

Xisko the kid disse...

se nós tivéssmos a coragem de aceitar a sabedoria feita da vida, estariamos muito melhor.
mas não.

Carla disse...

Xisko the kid
mais do que falta de coragem é um orgulho besta de quem não aceita os conhecimentos adquiridos
beijos

Miguel Ferreira disse...

Forte e marcante...
A força de uma vida vivida e de uma por viver!

Beijos

Carla disse...

Miguel Ferreira
vidas para serem vividas em pleno
beijos

un dress disse...

belo é o nó:

imediata

garganta

pousado

silêncio




~

Carla disse...

ún dress
belo é o silêncio
beijos

MสЯ†iиhส ♥ disse...

Rui disse...
Não se lhe vê idade no olhar. Nem no rosto. Apenas uma vida vivida.
concordo...
esta tudi dito...

beijinho,
Marta

Carla disse...

Martinha
é mesmo isso, não é?
beijos

Val Du disse...

Nativa e guerreira, e tem a cara da natureza. Linda, linda!

Beijos

(Un)Hapiness disse...

analisar a face é algo belo belo belo

demonstamos tanto msm q nao queiramos!

kiss **

biazinha disse...

Em seu rosto está a marca da experiência, no olhar a força atemporal que só as pessoas com fibra tem.

bjuxxx.

DelfimPeixoto disse...

Colossal... divinal... simplesmente soberbo
Obrigado
Bj

O Pinoka disse...

É a intenção de muitos, que eles desistam finalmente. Mas a resistência corre-lhes nas veias.
Beijinhos

Espaço do João disse...

Querida amiga.
As rosas são sempre rosas... quer sejam vermelhas ou brancas, são deslumbrantes. grato pela visita.

Ninguém é velho neste planeta. Há é gente com muito uso e, muita sabedoria que muitas das vezes não tem força nem para se exprimir, isso sim. Quem de nós não gostaria de terminar seus dias sem sofrimento e partir com alegria de ter vivido? Cobardes há sempre em especial aqueles que sem respeito pela vida põem fim a ela. Um forte abraço. João

antónio paiva disse...

...

verdade; ainda bem que muitas vezes os olhos são responsáveis por não nos acomodarmos.

...

impulsos disse...

Sempre me fascinou o modo de vida, as suas crenças, os seus rituais, e tudo o que diz respeito às gentes dessa tribo tão maltratada pelo resto do mundo...

Beijo

disse...

Gosto de rugas! dá sabor à foto, à vida!
beijo muito grande

Carla disse...

biazinha
há forças que só o tempo nos oferece
beijos

Carla disse...

Delfim Peixoto
obrigada eu pelas suas palavras
beijos

Carla disse...

António Paiva
...e não é fácil não nos acomodarmos!
beijos

Carla disse...

O Pinoka
corre-lhes nas veias que lhe povoam o corpo
beijos

Carla disse...

João
sábias palavras de quem sabe verdadeiramente o que diz
...são pétalas os seus dizeres
obrigada
beijos

Carla disse...

impulsos
partilho do teu fascínio
beijos

Carla disse...


são o condimento de uma vida já vivida
beijos

helena fernandes disse...

Gostei das tuas palavras em desalinho. Parabens

Pena disse...

Doce Amiga:
É agradável sentir a voz pura e magnífica de uma pessoa tão sensível, verdadeira e autêntica.
Porque não lhe usurparam em nada a sua etnia doce e linda a que deu valor e viva voz.
Sensacional!
Sempre a estimá-la e a respeitá-la.
Beijinhos de estima e imenso respeito

pena

Carla disse...

Helena Fernandes
obrigada pelas palavras e pela visita
beijos

Carla disse...

Pena
a pureza e a inocência...podem ser magníficas
obrigada
beijos

L.Reis disse...

...a vida esculpiu o seu rosto e imortalizou o seu olhar agarrado a coisas antigas...

Carla disse...

L.Reis
uma escultura viva
beijos

Maria Clarinda disse...

Lindas as palavras...a foto simplesmente marcante, e exstremamente bela!!!!!!
Jinhos mil

Carla disse...

Marioa Clarinda
...uma pessoa marcante, sem dúvida
beijos

jo ra tone disse...

Onde a civilização meter a mão!Ou
Desde que começaram a fazer os filmes de cow-boys, estragaram tudo
Estes povos nunca mais viveram em paz
beijinho

Carla disse...

jo ra tone
e assim se aniquila uma "outra civilização" com uma riqueza tão infinita
beijos

Fatyly disse...

E andamos nós todos à purrada de barriga cheia e num cinzentismo absurdo e eis o maior exemplo de mesmo "sem terra" tal como eu valorizamos sempre qualquer pedaço!

Ela é a india mais velha do pedaço e mesmo que estivesse em Nova York numa bela poltrona, pela certa comia com as pontas dos dedos a sua farinha pilada porque não escondia as suas raízes

A foto está genial e tu escreves genialmente bem.

Uma beijoca desta sem terra:))

© Piedade Araújo Sol disse...

o que pode traduzir um olhar!

gostei...

Nilson Barcelli disse...

A fotografia é excelente.
O texto, emoldura muito bem o retrato.

Bom resto de semana,
Beijinhos.

CCF disse...

Precisamos lutar contra o pânico da velhice, contra essa ideia de que com as rugas se aproxima a morte. Bom contributo este.
Abraço
~CC~

ines disse...

...e quantas histórias ficaram por contar!

Lyra disse...

Sabes, o que esta índia me faz sentir é uma enorme inveja!!! da pureza em que e como ela viveu! e da pessoa linda que ele, com toda a certeza, é.

Beijinhos e até breve.

;O)

p y b disse...

Beleza de natureza intacta retratada nestas rugas da vida. Este é um rosto verdadeiro e por isso intemporal!
Parabéns pela foto e pelo texto!
Abraço,
Beta

Kok disse...

Sociedades há em que os velhos são considerados e respeitados.
Outras sociedades há que até parece não terem antecedentes.
Neste mundo competitivo com que idade somos velhos? E sendo, não temos lugar?
Todos vamos envelhecer; mas não queremos tornar-nos invisíveis, nem monos (in)decorativos.
Beijossss

Nuno de Sousa disse...

Belo registo, num belo texto Carla.
Um rosto com uma vida, com mtas histórias vividas e para contar.
Gostei.
Carla um dia poderei pedir-te um texto para uma foto minha? Eu adorava mto...
Bjocas grandes
Nuno

KNOPPIX disse...

Ainda existem culturas em que a idade é um status, outras nem por isso, rejeitam os mais velhos e olvidam aquilo que eles ainda podem dar de valioso à sociedade.

Adorei este texto, beijinhos amigos :)

Carla disse...

Piedade Araújo Sol
...a força do olhar
beijos

Carla disse...

Nilson Barcelli
duas realidades que se conjugam
beijos

Carla disse...

inês
...imensas, certamente...assim se vê a riqueza de uma vida
beijos

Carla disse...

Nuno de Sousa
a vida desenhada num rosto...obrigada

Nuno será com prazerque escreverei uma história para as tuas belas fotos...espero apenas conseguir estar à altura de transmitir todas as emoções que elas suscitam
beijos

Carla disse...

Fatyly
acho que tens razão amiga, sentia-se nela orgulho de quem era...e isso não há nada que consiga apagar...
...um que saudades de umas belas bolinhas de "funge" enroladas na mão
beijos cheios de ternura

Carla disse...

CCF
até porque a velhice não são as rugas...é algo muito mais profundo do que isso
obrigada
beijos

Carla disse...

Lyra
como te compreendo...aquela inveja de quem ainda consegue viver as coisas simples!
beijos

Carla disse...

pyb
a natureza num rosto de uma beleza selvagem
beijos

Carla disse...

Kok
nem invisíveis, nem velhos sem valor...queremos ser pessoas integralmente válidas
beijos

Carla disse...

Knoppix
o problema é que as sociedades em que os mais velhos são uma mais-valia estão a desaparecer
beijos

Carla disse...

(Un)Hapiness
tens toda a razão...acreditas que o teu comentário só me apareceu hoje!!!!!!!!
beijos

Carla disse...

Val du
tem, não tem, amiga
beijos

Noslen ed azuos disse...

Sinto-me ignorante diante de tamanha sabedoria telúrica que estes olhos transmitem.

Belos posts os seus.
Beijos
NS

Carla disse...

NS
em momentos como este, em que um olhar nos inunda é que temos consciência de quão infinitamente pequenos somos
beijos

jawaa disse...

Venho agradecer a visita e palavras amáveis.
Desculpa o atraso mas o tempo que disponibilizo para estes passeios por aqui nem sempre chega, há outros quefazeres...
Gostei muito deste espaço, diversificado nos conteúdos e com imagens atraentes.
Um abraço

Carla disse...

jawaa
volta sempre que quiseres...gostei de te ter por cá
beijos