terça-feira, 10 de março de 2009

Suave amanhacer



Sentei-me na erva molhada...com pérolas de mar nos meus olhos.
Deitei-me na terra fecunda...com desejos abertos no meu ventre.
Esperei-te nos segundos vadios...com beijos tardios na minha boca.
Desenhei-te no céu do meu pensamento...com as cores suaves do amanhecer.

Agarrei a mão que me estendeste...com o desespero da noite que chega.
Afastei da penumbra do ser...os fantasmas do vazio e da solidão!

196 comentários:

Rafeiro Perfumado disse...

Sentar na relva, deitar na terra... parece-me um desafio à altura do novo Skip!

Beijo!

Ricardo disse...

Ora ai está uma coisa que eu detesto, a solidão!

Camisinha.com disse...

uma imagem, um poema...
uma mulher...

um sentimento, o amor!

lindo!

Amaral disse...

Bonito amanhecer!
Suaves cores, longe do vazio e da solidão, nesse céu do teu pensamento...
Terra fecunda, erva molhada... são suaves beijos na tua boca...

Toninho Moura disse...

Poemas sempre belos, que nos fazem imaginar.


Venha conhecer as histórias especiais do "Mês Internacional da Mulher", contadas pelo Capitão Ócio.

gotadevidro disse...

A leveza do teu poema envolta num poemar tão belo que embala os sentires.

Belo e a foto fantástica

Boa semana e obrigada pela visita

beijinhos

Branca disse...

Lindo Carla,
cheio de sentimentos como tudo o que escreve!

Ótima semana pra vc,
bjos!

vagabundo disse...

na erva molhada a teu lado,
colhendo pérolas me sentei...
pérolas do mar dos teus olhos,
onde há muito naufraguei...
em busca de desejos abertos
no teu ventre maduro de mulher...
terra fecunda de sonhos
no horizonte do meu querer...
e nas cerdas de teu pensamento enredados
(em segundos vadios perdidos)
tardaram vagabundos, meus beijos...
para assim chegarem coloridos
ao amanhecer de teus desejos

e quando o desespero da noite que chega
te senti,
com ternura te sorri,
enchendo esse vazio...
e a solidão.
e calados assim, se apagaram
os fantasmas que se afastaram...
quando seguraste a minha mão.

DANTE disse...

Xouuuuuu fantasmas!LOL
Estar sozinho faz falta por vezes , mas estar só não :D

Jokas :)

Menina do Rio disse...

Agarrei-me na mão que me estendestes...com beijos tardios
em segundos que preenchem o vazio e afastam os fantasmas da solidão...
Amanhecestes linda e suavemente!

Um beijo

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Carla, belo poema...Espectacular....
Beijos

Paula Raposo disse...

Sem dúvida um muito suave amanhecer!! Gostei muito. Beijinhos.

Daniel Costa disse...

Carla

Um bonito poema, um jeito de focar a solidão, que a própria fotografia, se bem mirada, ilustra bem.
Será uma suave solidão, dado que era sonho.
Beijinho,
Daniel

Rei da Lã disse...

E correu tudo bem?

;)


Bj.

acutilante - frank verlag disse...

"Afastei da penumbra do ser...os fantasmas do vazio e da solidão!". E o que ficou?!...Pois.

DE-PROPOSITO disse...

'e da solidão'
----------
Se eram fantasmas, não eram reais.
Fica bem.
Felicidades.

Cristiana Fonseca disse...

Olá Carla,
Fantástica poesia, admiro tua escrita e sou tua fã
Beijos,
Cris

tossan disse...

Lindo poema sempre com palavras alinhadas e poéticas. Beijo

Receita da noite

Separe a útopia
em dose desigual,
coloque um pouco de real
dentro de cada uma e misture,
Não beba, deguste-a.

O Árabe disse...

Vazio e solidão... fantasmas que nos assombram a vida. :( Boa semana, amiga!

mateo disse...

Sabe-me a esperança...
Bjs

BC disse...

Como sempre bonitas palavras apaixonadas, com imagem lindíssima.
Beijo
isabel

Nuno de Sousa disse...

Mais um post cheio de suavidade, beleza e sensualidade como tão bem nos sabes proporcionar... ficou lindo Cara.
Bjs em ti e um bom dia para ti,
Nuno

paula barros disse...

Uma mão estendida é muito bom, afasta todos os males.

Um belo poema.

abraços

São disse...

dos teus textos, um dos melhores!
saudações.

utopia das palavras disse...

Desenhaste bem, este suave amanhecer... com as pérolas dos teus olhos, brilhou...este poema!

Beijo, Carla!!!!!

Fatyly disse...

e como descreves tão bem toda essa suavidade amanhecida pelo ou no afastamento do vazio e solidão.
São esses momentos de felicidade que se devem agarrar.

Lindissimo!

Beijocas

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Carla, o selo é esse primeiro desse blog:

http://nectar-da-flor.blogspot.com/

Espero que goste, querida.

=]

Beijo

Rebeca

-

Carlos Rebola disse...

Um bonito amanhecer cheio de amor e felicidade tranquila, que me truxe a imagem do "Nascimento de Vénus" de Botticelli.

Beijos
Carlos Rebola

Sindarin disse...

Olá amiga! Maravilhoso sem amis palavras para o descrever. Obrigada pelo teu carinho. Um bj para ti.

Pena disse...

Oh, Amiga...
Que coisa mais linda, enternecedora, escreveu...
"...Desenhei-te no céu do meu pensamento...com as cores suaves do amanhecer...."

É linda...É lindo...
Como a admiro...
Beijinhos de imenso respeito...
Maravilhado...

Pena

Maria disse...

Belíssima imagem poética consegues transmitir/desenhar com as tuas palavras...

Um beijo

Chapeleiro disse...

Belo poema.

Simples, curto, e belo.

O amor...

"Love is all"

Vieira Calado disse...

Gostei da estrutura que deu ao poema.

Bjs

segredo disse...

suave e belo amanhecer , como alias sao os teus textos;)
Parabens!
Beijinho de lua*.*

Max Psycho disse...

uau, mas tem alguém que tava muito inspirada neste post ein, parabéns gata

Å®t Øf £övë disse...

Carla,
Entre o amanhecer e a alvorada há momentos assim, que nos fazem pensar, e que nos ficam na memória.
Bjs.

Ana Martins disse...

Olá Carla,
palavras para quê se uma só basta: Sublime!!!!

Beijinhos,
Ana Martins

Nanda Assis disse...

bonito demais.

bjosss...

Fragmentos Betty Martins disse...

._______querida Carla




.a


suavidade


mesmo



no "desespero" dos_____"beijos tardios"





______amei






beijO____ternO

Kok disse...

Em cada amanhecer um novo dia!
O que nem sempre é verdade, infelizmente.
Bjs

Mário Margaride disse...

Um belo e suave poema...um belo e suave amanhecer.

Beijinhos

Mário

By myself disse...

Infelizmente não tenho vindo com a frequência habitual, mas de facto, é sempre um prazer ler-te com a sensibilidade â flor da pele.

Muito bom mesmo.

Beijinho

(as coisas comigo vão estando, obrigada)

Luiz Caio disse...

Oi Carla!

Esperar, ás vezes vale a pena... Se a satisfação é maior quando a pessoa chega!

TENHA UMA ÓTIMA NOITE!

BEIJOS.

Celamar Maione disse...

Quando espera-se o ser amado, não existe vazio. Nosso vida fica mais iluminada.
Grande beijo !

Só Eu disse...

Carla
Eu sei que tu vais perceber.
Quando acabei de ler o teu texto fiquei com a sensação que, afinal, existem "almas gémas". É incrivel o quanto eu me revejo neste texto.
Tivesse eu qualidade literária para produzir um texto destes e, pelo seu conteúdo, pelo seu sentir, este poderia ser um texto meu.
Escusado será dizer que adorei este belissimo poema.
Beijos de parabens
Ricardo

acutilante - frank verlag disse...

Os beijos nunca são tardios...quando são beijos! Pois.

Val Du disse...

O amanhecer sempre traz coisas boas.
Na companhia de alguém isso é bem melhor.

Belo poema.

Beijos.

lobices disse...

...obrigado pela visita e amáveis palavras
...um abraço

Véu de Maya disse...

belo e intenso...gosto destas marcas na tua poesia.

beijinho,

véu de maya

Marta disse...

E quando acordei....o mundo continuava mergulhado na mesma confusão...
Mas amava-se...
Lindo...
Obrigada pela visita
Beijos e abraços
Marta

Lmatta disse...

Lindo lindo
beijos

Agulheta disse...

Espero que seja um belo sonho de muita sensualidade,de solidão não, mas a imagem nos faz perceber?
Beijinho

Gazeta na net disse...

Olá amiga,
Parece que o tempo tem duas velocidades, quando estamos sós e quando estamos acompanhados….
Fica bem querida
Beijos perfumados

paulofski disse...

Às vezes estar só faz bem, a solidão é que não.

Beijo

JPD disse...

Olá Carla

Muito bem feito este relato da espera e do sonho da paixão e, esgotada a espera a entrega.

Estes teus textos sobre cumplicidades e paixões são cada vez mais seguros.

Muito bom.

Bjs

Carla disse...

Rafeiro
nova fórmula...mais eficaz 100% mais branco
beijos

Carla disse...

Ricardo
principalmente quando nos inunda o ser
beijos

Carla disse...

Camisinha
um todo que se completa
obrigada pela visita
beijos

Carla disse...

Amaral
...adoro o amanhecer rima com renascer!
beijos

Carla disse...

Toninho
...deixar voar a imaginação é sempre bom
passo já pelo teu blog
beijos

Carla disse...

gota de vidro
por vezes precisamos de quem nos embale os sentidos, para nos sentirmos vivos
beijos

Carla disse...

Branca
sentimentos para partilhar
beijos

Carla disse...

Vagabundo
belíssimo complemento às minhas palavras...soltam-se sentimentos das tuas
beijos

Carla disse...

Dante
poucas palavras mas que tudo dizem
beijos

Carla disse...

Menina do Rio
sim...suave amanhecer, embora por vezes o resto do dia não cumpra essas promessas
beijos

Carla disse...

Chana
obrigada
beijos

Carla disse...

Paula raposo
a suavidade de um lento espreguiçar
beijos

Carla disse...

Daniel Costa
...era um sonho! esperemos que a solidão nunca seja mais do que um sonho
beijos

Carla disse...

Rei da Lã
dentro da suavidade do momento :)
beijos

Carla disse...

Acutilante
...a vida a renascer!
beijos

Carla disse...

De-Propósito
és capaz de ter razão, mas por vezes mesmo sem serem reais magoam
beijos

Carla disse...

Cristiana Fonseca
muito obrigada...também admiro muito os teus magníficos trabalhos artísticos
beijos

Carla disse...

Tossan
degustar a utopia em mix com a realidade...uma boa proposta
beijos

Carla disse...

O Árabe
em certos momentos são mesmo assombrações com corpos de realidade
beijos

Carla disse...

Mateo
e a esperança sabe sempre bem
beijos

Carla disse...

BC
obrigada pelas palavras
beijos

Carla disse...

Nuno de Sousa
e as tuas simpáticas palavras sempre a servirem de incentivo, obrigada
beijos

Carla disse...

Paula barros
e se não afasta ajuda a superá-los
beijos

Carla disse...

São
obrigada
beijos

Carla disse...

Utopia das Palavras
mesmo sem saber desenhar, procuro criar com as palavras
beijos

Carla disse...

Fatyly
são sim, mesmo que nem sempre as mãos cheguem para os abarcar em nós
beijos

Carla disse...

Rebeca
obrigada vou recolhe-lo
beijos

Carla disse...

Carlos Rebola
uma imagem particularmente interessante e como já disse em cima para mim o amanhecer é sinónimo de renascer
beijos

Carla disse...

Sindarin
espero que estejas melhor
beijos

Carla disse...

Pena
é pena que eu desenhe tão mal :)
beijos

Carla disse...

Maria
fico feliz por o ter conseguido transmitir
beijos

Carla disse...

Chapeleiro
gosto da simplicidade das coisas
beijos

Carla disse...

Vieira Calado
obrigada
beijos

Carla disse...

Segredo
obrigada
beijos

Carla disse...

Max
achas? ainda bem
beijos

Carla disse...

Art of Love
e eu adoro esses momentos
beijos

Carla disse...

Ana Martins
agora corei...obrigada
beijos

Carla disse...

Nanda
obrigada
beijos

Carla disse...

Fragmentos
porque apesar de tardios..são beijos sentidos
beijos

Carla disse...

Kok
...o que nem sempre é verdade, mas tentemos que seja
beijos

Carla disse...

Mário Margaride
obrigada pela suavidade das palavras
beijos

Carla disse...

By myself
aparece sempre que quiseres...e se precisares a porta, apesar de desalinhada, está sempre aberta
beijos

Carla disse...

Luiz caio
...saber esperar pode doer, mas também pode oferecer bons momentos
beijos

Carla disse...

Celamar
na espera pode existe um vazio que a presença preenche
beijos

Carla disse...

Só Eu
Sensibilidade literária não te falta, mas fico feliz por partilhares o sentir das minhas palavras
beijos

Carla disse...

Acutilante
é assim mesmo
beijos

Carla disse...

Val Du
sem dúvida...é sempre melhor
beijos

Carla disse...

Lobices
obrigada eu pela presença
beijos

Carla disse...

Véu da Maya
são marcas suaves
beijos

Carla disse...

Marta
...mas amava-se e isso é importante
beijos

Carla disse...

Lmatta
obrigada
beijos

Carla disse...

Agulheta
a solidão dói, por isso o melhor é afastá-la
beijos

Carla disse...

Gazeta
o tempo tem mesmo as duas dimensões que referiste
beijos

Carla disse...

paulofski
gosto de estar só...mas a solidão magoa
beijos

Carla disse...

JPD
sonho que se concretiza na entrega
beijos

GarçaReal disse...

Belo este amanhecer de espera sensual e o entardecer no sacudir da solidão.

Bom resto de semana

bjgrande do Lago

•.¸¸.ஐBruneLLa França disse...

Tantas imagens formadas belamente por tuas palavras, Carla...
Um poema intenso e delicioso!
Beijos e borboleteios

Fritiane Totallytchoisted disse...

puta q pariu menina vc é muito boa
esse poema é maravilhosooooooooo

C Valente disse...

muito me agradou
saudações amigas

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA CARLA, GRATA PELA VISITA, GOSTEI MUITO DO TEU COMENTÁRIO... AMIGA O TEU POEMA ESTÁ SINPLESMENTE SUBLIME... ADOREI AMIGA,
UM GRANDE ABRAÇO DO CORAÇÃO,
FERNANDINHA

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Que poema lindo e de bom gosto, Carla. Sentimento que transborda.

Parabéns!

=]

Rebeca

-

P.B. disse...

Olá
Uma espera recompensadora, penso eu!
O afastamento da solidão por chegada tão desejada! Belas palavras...

Beijinhos

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Como sempre um lindo poema que merece os comentários que recebe.
Carla:
Postei no Galeria. Peço que vá ver, pois talvez fique muito tempo sem postar.
Um abraço,
Renata
Aproveite e vá aos outros Blogs, pois se acontecer num, acontecerá nos outros.

vaandando disse...

Intenso , a arte de suspender o tempo!
Beijo


____________ JRMARTO

mdsol disse...

E qu ebem que falaste!
beijo Carla

:))

paulotpires disse...

o amanhecer...
só por si é uma palavra poderosa...
bj

wind disse...

Belas palavras.
Beijos

heretico disse...

muito bonito. beijo

Simples Assim... disse...

"Penumbra do ser"... gosto muito do jogo de palavras que costumo encontrar por aqui.

Fico pensando às vezes na infinidade de coisas que há nos nossos "cantinhos escuros". Algumas nós sabemos existir, mas preferimos deixá-las ali, na sombra. Outras a gente até desconfia de que existem, mas a dúvida, por vezes, é mais cômoda do que uma certeza desagradável. E outras nem desconfiamos existir. E é exatamente por isso que a gente deve de vez em quando abrir as janelas e deixar a luz entrar.

ParadoXos disse...

autenticidade não te falta amiga Carla, leio e sei logo que é teu!! as tuas palavras comunicam a vida que há em ti - sem dúvida!




teu beijo!

Eu Mesmo disse...

Solidão não é uma coisa má, poderá sê-lo, se não houver a opção de não estar só. Não podemos viver pela medida da distância da mão do outro.

Gostei do poema.

Carla disse...

Garça real
sacudir a solidão ao entardecer...uma bela imagem
beijos

Carla disse...

Brunella
as palavras é que têm vida, obrigada pelas tuas
beijos

Carla disse...

Fritiane
obrigada
beijos

Carla disse...

CValente
feliz por teres gostado
beijos

Carla disse...

Fernanda
fico sempre feliz com a tua visita
beijos

Carla disse...

Rebeca
obrigada pela vossa presença
beijos

Carla disse...

P.B
quando a solidão se afasta pela presença de quem se ama é óptimo
beijos

Carla disse...

Renata
obrigada e espero que não deixes de postar
beijos

Carla disse...

vaandando
...não é fácil, mas é possível
beijos

Carla disse...

mdsol
obrigada
beijos

Carla disse...

paulotpires
concordo...transporta em si imensas sensações

Carla disse...

wind
obrigada
beijos

manzas disse...

Provei o fel sabor de uma outra vida
Nas ruas desnudadas, lotes incertos do sem andar…
Caminhei pelos desertos secos de alma perdida
Entrando pela porta em que ninguém quer entrar

Passando para dizer,
Que sempre me apraz aqui estar…
Que nesta sexta-feira treze,
Aconteça o que acontecer
Um bom fim-de-semana irá ser
E que o amor e paz possa reinar!

O eterno abraço…

-MANZAS-

Carla disse...

Herético
obrigada
beijos

Carla disse...

Simples Assim
a penumbra do ser magoa...e tens razão na tua análise
beijos

Carla disse...

Paradoxos
...a vida que há em mim e a vida que há em quem lê
beijos

Carla disse...

Eu mesmo
a solidão pode ser positiva se for uma opção nossa
beijos

Carla disse...

Manzas
obrigada pelas belas palavras
beijos

Carla disse...

Helena
obrigada pelas tuas amáveis palavras
...sei que estou em dívida contigo, porque ainda não te respondi ao mail. Claro que terei todo o gosto em fazer uma história para a tua imagem, mas esta semana foi muito complicada
beijos

Helena Paixão disse...

Sublime, claro!

Bjinhos

Eu sei que vou te amar disse...

Que belo amanhecer...sentir a relva molhada e deixar a sensualidade brincar com os sentimentos!
Beijo doce

Amaral disse...

Carla
Parabéns. Cada vez melhor.
Bom fim-de-semana
bjo

© Piedade Araújo Sol disse...

Oh Carla!

este poema é uma pincelada de sentires, onde se podem sentir todas as cores.

muito bonito...

beij

Nuno Medon disse...

olá! " Histórias sem estória "...nem para tudo é preciso um motivo...Lindo jogo de palavras e linda pintura...talvez de um quadro! beijos e um bom fim de semana!

Sunshine disse...

Às vezes o que desejamos acontece.
Gostei muito deste "Suave amanhecer".
beijinhos com raios de sol

kuandr disse...

haja sentimentos em suas palavras

um dia conseguirei expressar meus sentimentos dessa forma

sucessos



grande abraco

www.kuandr.blogspot.com

Paulo - Intemporal disse...

não há fantasmas que não sejam dedos tarsos de talento.

aqui.

tão somente ou apenas aqui.

um bom fim de semana.

um beijo Carla

Filoxera disse...

Exprimes-te de forma soberba!
Recebeste o convite para o EQ?
Beijos.

Espelho disse...

A ausência permite-nos desenhar a forma perfeita.

Beijo

Philip Rangel disse...

Um desafio ameaçador vivido a cada dia hein????

bjo

mundo azul disse...

_______________________________


...belos versos, Carla!

Um canto ao amor e à paixão...

Beijos de luz e o meu carinho!

_________________________________

Olhos de mel disse...

Doce Carlinha, que cada doce recordação, sirva de estímulo,em cada amanhecer de solidão e ele seja cheio de suavidade. E que todos os dias, possam lhe trazer, não só felicidade, mas a efetiva tão desejada companhia!
Bom fim de semana!
Beijos

Pratas disse...

Deitei-me na terra fecunda...com desejos abertos no meu ventre... Adoro...

Beijos ;)

Bob disse...

Ola, estive visitando este lindo blog, e adorei seu cantinho.Gostaria de fazer parceria com seu blog, com trocas de links.Você adiciona o link do meu blog no seu e eu adiciono o link do seu blog no meu;Assim nossos leitores poderão interagir.Tenho um banner também se quiser adicionar.Aguardo resposta.Um abraço.

http://poemasepoesias-blog.blogspot.com/

Andreia disse...

Temos de ser capazes de afastar esses fantasmas :)

Sofá Amarelo disse...

Há que afastar todos os fantasmas do vazio e da solidão... e desenhar no céu do pensamento ... as cores suaves do amanhecer...

jo ra tone disse...

Sensualidade
no seu apogeu
Hummm...relva humida
Beijo

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA CARLA, VOTOS DE UM BOM DOMINGO... ABRAÇOS,
FERNANDINHA

Fragmentos Betty Martins disse...

._______querida Carla




passei


para te deixar




._______um :=)




.e.um








beijO_____ternO
bFsemana

Desnuda disse...

Eu adoro tudo o que você escreve, Carla...Demais!



Um beijo, querida

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Carla.

UIA!!! Que poema! Faz a gente voar e ficar imaginando cada palavra sua como num filme.

L-I-N-D-O!

BOA NOITE e BOA SEMANA!!!

♥.·:*¨¨*:·.♥ Beijos mil! :-) ♥.·:*¨¨*:·.♥

Carla disse...

Eu sei que vou...
é tão boa a sensação da relva molhada no nosso corpo
beijos

Carla disse...

Amaral
obrigada
beijos

Carla disse...

Piedade
...sentirtes multicolores
beijos

Carla disse...

Nuno
...palavras e é mesmo uma foto, não uma pintura
beijos

Carla disse...

Sunshine
por vezes o desejo é mesmo suficientemente forte
beijos

Carla disse...

Kuandr
palavras e sentires de braços dados
obrigada pela visita
beijos

Carla disse...

Paulo
fantasmas que nos habitam
beijos

Carla disse...

Filoxera
obrigada...recebi sim o convite, tenho de passar por lá
beijos

Carla disse...

Espelho
porque na ausência os sentires apuram-se
beijos

Carla disse...

Philip
os desafios constoem-nos e educam-nos
beijos

Carla disse...

Mundo Azul
obrigada
beijos

Carla disse...

Olhos de mel
..que assim seja
obrigada pelos desejos
beijos

Carla disse...

Pratas
também gosto da sensação
beijos

Carla disse...

Bob
vou visitar o teu espaço. Obrigada pela visita
beijos

Carla disse...

Andreia
...e arranjar forças para o conseguir

Carla disse...

Sofá Amarelo
...fundamental para que a vida ganhe as cores do amanhecer
beijos

Carla disse...

Jo ra tone
pois, a relva húmida
beijos

Carla disse...

Fernanda
obrigada pela visita sempre tão carinhosa
boa semana para ti
beijos

Carla disse...

Desnuda
e eu o que tu escreves
beijos

Carla disse...

Sorriso
que bom que assim é
beijos

Carla disse...

Betty
obrigada pela tua visita
deixo-te um beijo

Osvaldo disse...

Olá Carla;
Um poema que nos transmite tudo, o amor, o desejo, momentos de solidão, pensamentos longos e olhar perdido entre desejos e revoltas. Claro que para a Carla tudo isto é muito fácil de exprimir através da facilidade poética que tens em transmitir toda essa sensibilidade.
E, claro, nós por cá a nos "regalarmos" com tão belos poemas.

Gostei do começo do poema,... "Sentei-me na erva molhada...", é simplesmente belo e "desalinhado"

bjs
Osvaldo

Carla disse...

Osvaldo
e eu "regalo-me" com visitas tão amáveis como tu
beijos

Laura disse...

E eu sento-me neste teu espaço onde cheira a erva verde, a terra fecunda, a mar e a liberdade.
Que bom é poder sentar-me aqui!

Carla disse...

Laura
e que bom que é para mim partilhar este recanto molhado com aroma a erva
beijos

Tatiana disse...

Agarrar a mão que me nos estendem...

Há momentos em que isso é o que mais precisamos...

Beijos

xistosa - (josé torres) disse...

Caríssima Carla
Não gosto de ser bajulador e acenar sim a tudo.
Mas o melhor elogio é que ao ler, lembrei-me de Picasso.
Penso que nada se ajusta a ele, mas pensei-o.
Só que aqui não há fantasmas como os que ensombraram o Picasso, há instantes vadios ...
E os vadios não têm fantasmas, solidão e a noite é sempre dia.
Obrigada por este momento.

Carla disse...

Tatiana
há momentos em que é isso que nos mantém de pé
beijos

Carla disse...

Xistosa
e o que posso dizer é que me sinto lisonjeada com o teu comentário e, principalmente que o entendo dentro daquilo que escrevi
beijos